Campanha de doação de sangue no condomínio

16 de abril de 2021

doação de sangue

A pandemia da COVID-19 impactou diretamente na quantidade de doações de sangue dos hemocentros de todo o país. Há diversas campanhas incentivando para que as pessoas agendem um horário para a doação, mas para condomínios de médio a grande porte, a coleta externa pode ser uma boa opção.

No post de hoje separamos as informações necessárias para que você possa organizar uma campanha de doação de sangue no seu condomínio. Confira no artigo quais são os pré-requisitos da fundação Pró-Sangue!

Como solicitar a Coleta Externa no condomínio?

Esta questão deve ser discutida com a coletividade, de maneira virtual por conta da pandemia. Havendo interesse, pode ser realizada uma enquete com todos os moradores via APP GRAICHE CONDOMÍNIOS para saber se aprovam a iniciativa e qual a quantidade de candidatos confirmados.

Quais são os pré-requisitos necessários para a Coleta Externa?

  • Espaço físico de no mínimo 100m²;
  • 80 candidatos confirmados para a doação de sangue — no dia da coleta externa, eles passarão por todas as etapas da doação: cadastro, pré-triagem, triagem, coleta e lanche;
  • Coletas externas serão realizadas somente às segundas, terças, quartas e quintas-feiras;
  • Agendamento de vistoria para checagem de estrutura e instalações do local da coleta;
  • Material solicitado: Mesas (5 grandes e 6 pequenas ou 16 pequenas), cadeiras (40) e lixeiras (2);
  • Estacionamento: 3 vagas (se possível) e/ou local permitido para descarregar material e funcionários;
  • Local da coleta equipado com tomadas;
  • Na ausência de ar condicionado, disponibilizar ventiladores;
  • No dia que antecede a coleta higienizar o local por completo;
  • Boa iluminação;
  • Horário: cadastro 8:30 às 11:30hs. O cadastro poderá ser encerrado antes das 11:30hs se o número de doadores já tiver sido alcançado.
  • Capacidade de doadores: aproximadamente 80 doadores em fluxo contínuo em todo o período, sendo que ao término do cadastro haja no máximo 20 pessoas para doar.
  • Após o término do cadastro, os doadores que preencheram a ficha continuarão o processo até termino da doação.
  • Apresentação obrigatória de documento oficial com foto do doador;
  • Os doadores convocados pelas respectivas campanhas de coleta externa de sangue devem seguir e atender as exigências regulamentadas pela legislação vigente do Ministério da Saúde, portanto a Fundação Pró-Sangue não se responsabiliza por possíveis recusas ao longo do processo da doação.

Na data acordada, a equipe da Fundação Pró-Sangue desloca-se até o local, efetuando a coleta de bolsas de sangue seguindo os protocolos de segurança.

Há algum impeditivo para a doação de sangue?

Lembrando que, conforme informação no site da Fundação Pró-Sangue, esta lista não esgota os motivos de impedimentos para doação de sangue, de forma que outras informações prestadas por você durante a triagem clínica serão consideradas para definir se está apto para doar sangue nesse momento.

  • Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas;
  • 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana;
  • Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses);
  • Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação de sangue;
  • Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses;
  • Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses;
  • Qualquer procedimento endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc.): aguardar 6 meses;
  • Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias;
  • Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas;
  • Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: aguardar 12 meses;
  • Vacina contra gripe: por 48 horas;
  • Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões;
  • Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster);
  • Brasil: estados como Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são locais onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses para doar, após o retorno;
  • EUA: quem esteve nesse país deve aguardar 30 dias para doar, após o retorno;
  • Europa: quem morou na Europa após 1980, verificar aptidão para doação de sangue no (11) 4573-7800;
  • Malária: quem esteve em países com alta prevalência de malária deve aguardar 12 meses após o retorno para doar. (critério semelhante ao dos estados brasileiros com prevalência elevada de malária);
  • Febre Amarela: quem esteve em região onde há surto da doença deve aguardar 30 dias para doar, após o retorno; se tomou a vacina, deve aguardar 04 semanas; se contraiu a doença, deve aguardar 6 meses após recuperação completa (clínica e laboratorial);
  • Coronavírus:
    . Candidatos que apresentaram infecção pelo COVID-19 são considerados inaptos por um período de 30 dias, após recuperação clínica completa (assintomáticos).
    . Candidatos que tiveram contato direto (domiciliar ou profissional) com casos suspeitos ou confirmados de contaminação por coronavírus devem aguardar 14 dias após o último dia de contato, para realizar a doação de sangue.
    . Profissionais da saúde (médicos, enfermeiros entre outros) que trabalham diretamente com pacientes portadores de Covid-19 devem aguardar 14 dias após o último dia de contato, para realizar a doação de sangue.
    . Candidatos que foram vacinados contra Covid-19 só podem doar: 48 horas após cada dose (vacina Coronavac, da Sinovac/Butantan); e 7 dias após cada dose (vacina Oxford, da AstraZeneca/Fiocruz).*
    * Critério adotado segundo Informe Técnico do Ministério da Saúde de 23/01/2021.

Principais impedimentos definitivos

  • Hepatite após os 11 anos de idade. *
  • Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.
  • Uso de drogas ilícitas injetáveis.
  • Malária.
  • Mal de Parkinson.

* Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva. Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva. Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente;  Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.

Quais são os requisitos para os doadores?

  • Estar em boas condições de saúde.
  • Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação de sangue tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, clique para ver documentos necessários e formulário de autorização).
  • Pesar no mínimo 50kg.
  • Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
  • Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação de sangue).
  • Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social, Carteira Nacional de Habilitação e RNE-Registro Nacional de Estrangeiro*).

Doe sangue para salvar vidas!

Para mais informações e agendamento, entre em contato com a Divisão de Medicina Transfusional da Pró-Sangue: 4573-7500, ramais 7676 ou 7515 ou pelo e-mail coletaexterna@prosangue.sp.gov.br

Abaixo estão listados os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue.

Confira mais informações no site da Pró-Sangue.

Fonte: Site Fundação Pró-Sangue

Compartilhe:



Entre em Contato Conosco



São Paulo:
Atendimento -
(11) 3145-1322
Comercial - (11) 3145-1300

Segunda a Sexta das 09:00 às 18:00 horas

Segunda a Sexta das 09:00 às 18:00 horas



A sua opinião é de grande interesse para a Graiche. Clique no botão abaixo e entre em contato por meio do nosso canal de atendimento.














Mogi das Cruzes:
Atendimento -
(11) 4728-4359

Escreva-se para nossa newsletter
Inscrever